SEM PORQUE?

Imagem

Sem porque você foi embora.

Sem ao menos me avisar.

Levou tudo que é seu,

Deixou vazio seu lugar.

A porta do coração deixei aberta

Na louca esperança de te ver voltar.

A alma sempre alerta…

Você não imagina

O quanto me fez chorar.

Findam-se noites que me alucinam

E nada de você regressar.

Buscando te entender

Não achei explicação.

Resolvi te esquecer

Sufocar a emoção.

Depois da porta fechar

Nela você veio bater.

Senti que o coração iria parar,

Pensei que iria morrer.

Olhando-me nos olhos mareados,

Por lágrimas tristes derramadas

No rosto cansado a correr,

Disse-me com versos decorados:

De forma firme e  inflamada: ´

“-Não consegui te esquecer!“

Quase que automaticamente respondi:

“- Agora já é tarde, receba apenas meu carinho.”

Juro, nem eu entendi,

Mas nada mais, sinto por ti.

Segue então o teu caminho.

Nunca mais volte aqui,

Pode de vez partir.

Aprendi que por tudo que eu sofri,

Não existe perdão para ti.

GILBERTO CAMPOS…

O CAMINHO…

Imagem

Sinto-me amado

E isso me faz bem.

Sinto-me realizado

Como é bom quando se tem alguém.

 

Alguém para o amor dividir,

Mesmo sendo ele impossível.

Alguém que nos faça sorrir

Sentimento intenso e invisível.

 

Como uma suave brisa você chegou,

Transformando do amor minha ótica.

Meu peito de um sentimento intenso transbordou,

Eliminando toda lógica.

 

O amor se fez em mim,

Sem cobrança trouxe chuva ao meu deserto.

Onde pensava ser o fim

Trouxe sonhos e um caminho certo.

 

O caminho que me leva a paz,

O caminho a ser percorrido.

Quanto bem você me faz

Neste amor lindo e proibido.

 

 

GILBERTO CAMPOS…

EU POETA SEU…

Imagem

Sol quente

Em pleno inverno.

Sentimento terno envolvente.

Será mesmo que nada é eterno?

 

O que fazer então

Com este sentimento

Dentro de mim?

Como explicar para o coração

Que teu amor chegou ao fim?

 

Sou romântico tolo.

O que me sobrou é sonhar.

Sou um guerreiro ou um poeta bobo

Que ainda sonha em te amar…

 

Que não quer mentir

Por vaidade…

Quero te ver sorrir

Ao te dizer:

Estou morrendo de saudade.                

 

GILBERTO CAMPOS…