LEALDADE

 

Relembro meu passado

Onde estive vagando.

Berro ao mundo cansado,

Enquanto sigo caminhando.

Relembro meu passado pouco distante,

Trago a tona emoções,

Amores, paixões, sentimentos constantes,

Tudo gerado em frações.

Única certeza: fui leal.

Fiz o que meu coração mandou.

Incertezas, dúvidas, mundo real,

Coisas que o coração guardou.

Sim prezei a lealdade,

Lealdade aos sentimentos,

Ao que senti:  minha realidade.

Entreguei-me aos doces momentos,

Em que fui feliz de verdade.

Em meu mundo real,

Ao meu coração fiz feliz.

Aos meus sentimentos fui leal,

Jamais me arrependerei do que fiz…

GILBERTO CAMPOS…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s